Notícias

  • Jun

    29

    2018

Projeto Educação Empreendedora conclui sua primeira etapa

O projeto implantado pelo SEBRAE foi trazido para Sacramento a pedido da ACE/CDL e acolhido pela Prefeitura Municipal e Secretaria de Educação

 

Aconteceu ontem (28) pela manhã, na sede da Secretaria de Educação, a conclusão da primeira etapa do projeto Educação Empreendedora, implantado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – SEBRAE a convite da Associação Comercial e Empresarial de Sacramento (ACE) e Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), e acolhido pela Prefeitura Municipal de Sacramento e a Secretaria de Educação.

No encontro estiveram presentes o prefeito municipal Wesley de Santi de Melo, o presidente da câmara Dr. Pedro Teodoro Rodrigues de Rezende, a secretária de Educação Cibele Magnabosco, o presidente da ACE/CDL Sacramento, João Paulo Zago, o analísta técnico do SEBRAE, Alessandro Henrique de Souza e a consultora do SEBRAE, Andréa Salerno que acompanhou os três dias de desenvolvimento da primeira etapa do projeto.

Na ocasião Andréa Salerno contou que cerca de 30 professores de escolas estaduais e municipais participaram dos encontros que marcam o início da Educação Empreendedora voltado para as escolas. Andréa disse sentir-se contente com o resultado e com grande expectativa. “O resultado do curso foi ótimo. A turma selecionada foi maravilhosa, empenhada, dedicada e competente. Estou com muita esperança de que a metodologia da Educação Empreendedora vá de fato para as escolas de Sacramento, que é nosso objetivo maior.”

A consultora explicou que este foi apenas o primeiro passo. “A Educação Empreendedora trata-se de um programa de implantação, não somente uma capacitação. Os professores recebem a metodologia do SEBRAE para que posteriormente eles possam replicar para os alunos para disseminar o empreendedorismo e a inovação. Posteriormente, durante o ano o tema será trabalhado de forma transversal nas escolas, ou seja, é um tema complementar da matriz curricular que já é adotada pela escola. Isso inclusive, já acontece com outas temáticas.”

Para a Secretária de Educação, Cibele Magnabosco, o projeto já é um sucesso. “Vemos a avaliação desse curso muito positivo através dos professores que participaram. Eles sentiram muita alegria em fazerem parte e disseram estar dispostos a participarem de outros, porque a metodologia é muito boa. Ficamos muito felizes em receber esse projeto do SEBRAE intermediado pela ACE/CDL, falando sobre empreendedorismo. É capacitando os professores que isso chegará aos alunos. A secretaria de educação estará sempre de portas abertas para projetos como esse.”

A diretora escolar, Mônica Vieira, revelou que a Educação Empreendedora é uma evolução no ensino. “Eu sempre me preocupei muito com a educação e penso que está passando da hora da gente mudar o foco das nossas aulas. Voltar as aulas de forma mais interessante, tendo por meta a inovação dos nossos alunos, através das ações desenvolvidas pelos nossos professores. Eles estão maravilhados com o curso e eu tenho certeza que eles passarão à diante. Dessa forma nós conseguiremos uma educação cada vez com mais qualidade, voltada para a realidade do jovem de hoje. Em um mundo cheio de informações, o que importa mesmo é que esse jovem entenda a importância e o motivo daquele conteúdo e a maneira pela qual ele irá aplicar tudo isso em seu cotidiano. Tenho certeza que isso será um progresso, um avanço muito significativo em nossa escola.”

O presidente da ACE/CDL Sacramento, João Paulo Zago relatou satisfação por ver o projeto ser implantado. “É uma enorme satisfação ver esse projeto acontecer, até mesmo por ter sido uma das primeiras iniciativas buscadas pela diretoria atual com o SEBRAE. Tivemos muito prazer em intermediar todo o processo para trazê-lo porque acreditamos mesmo que ele é muito importante e que trará resultados no futuro. A Educação Empreendedora estimula o crescimento local, auxilia os jovens a enxergarem as oportunidades, e tudo isso buscando formar não apenas empresários, mas jovens que saibam planejar sua vida e seus sonhos.”

Essa foi a primeira etapa de uma série que ainda serão concluídas. De acordo com o SEBRAE este é um trabalho a ser continuado. Durante o ano serão trabalhados ainda, a educação cooperativa, educação financeira e oficinas de reforço.

Para o Analísta Técnico do SEBRAE, Alessandro Henrique de Souza, esse projeto pode ir além. “Acreditamos que o programa pode passar a fazer parte da grade curricular das escolas do município, e que no futuro possa resultar na aprovação de uma lei que permita a entrada da Educação Empreendedora Cooperativa Financeira como um dos temas transversais da grade curricular das escolas de Sacramento.” E ressaltou a importância de tudo isso ser tratado ainda na idade escolar. “Na idade em que ainda estão na escola é que eles estão em fase de formação, inclusive de sua personalidade. Então começando esse trabalho desde pequenos, nós conseguimos um desenvolvimento maior. Quanto mais tarde, mais resistentes nos tornamos, pois já temos nossos “pré-conceitos” formados. Os jovens estão livres, abertos ao conhecimento e a informação. Isso é muito importante”.

Alessandro Henrique esclareceu ainda onde esse conhecimento pode levar os jovens. “Acreditamos muito que a médio e longo prazo teremos resultados para toda a sociedade, pois esses jovens serão os adultos de amanhã. Serão empresários, colaboradores, lideranças. E a gente traz uma metodologia protagonista diferente, mostrando que as pessoas são capazes de cuidar de sua própria vida e de seu próprio destino.”

 

Fotos: Assessoria de Comunicação Prefeitura Municipal de Sacramento

 


Galeria de foto

Total de 10 fotos