Notícias

  • Jul

    26

    2019

Você sabe qual ideia o visual da sua loja passa para o seu cliente? Quer saber a importância disso tudo? Confira aqui!

 

Os empresários participantes do pacote de estratégias do "Cliente Oculto" estiveram presentes na última semana, em uma palestra muito importante para ajudá-los a melhorar o visual de seus estabelecimentos comerciais. 

 

 

 

O empresário Igor Loyola esteve presente no encontro e conta que o conteúdo do curso lhe permite ir além nos negócios. "O curso sobre a gestão visual da loja foi e é extremamente importante para quem pretende expandir sua visão para melhorar seus negócios, deixando o ponto comercial mais chamativo, visualmente falando, e consequentemente melhorar sua vendas através da organização e gestão, definindo pontos estratégicos para seus produtos. Com certeza saí mais do que satisfeito pois consegui ver meus erros em assuntos que achava que estava certo, voltando ao trabalho animado e disposto a mudanças que possam me trazer grandes benefícios."

 

 

 

 

A imagem pode conter: Maria Lúcia Freitas Morlin, sorrindo, close-up

A empresária Maria Lúcia Freitas também participou do encontro e adorou as dicas! 

"Carrego um ditado comigo 'conhecimentos NUNCA é demais'! Participei recentemente do curso Vitrine e iluminação, foram 4 dias e variadas dicas, super valiosas, que já estou colocando em prática.
Agradeço a oportunidade da ACE/CDL em nos trazer através do Sebrae profissionais tais como Valéria Faria, neste curso que muito agregou mais conhecimento e  criatividade para a Loja Belíssima."

 

 

 

 

Você pode conferir abaixo dicas do SEBRAE para melhorar também o visual da SUA LOJA!

 

Como aprimorar o visual da sua loja

 

Utilize seu espaço de venda para conversar com o cliente e se diferenciar da concorrência. Fachada, vitrine, iluminação e mobiliário são fundamentais para isso.

 

É na loja, diante ou dentro dela, que o consumidor se encanta com o produto, passa pela experiência da compra e se torna fiel a uma marca. Por isso, é necessário que o empresário do ramo da moda atue para que o cliente ou potencial cliente sinta-se atraído ao entrar em seu ponto de venda e fique satisfeito dentro dele.

Um bom layout é fundamental para agregar valor à sua marca. Pare que isso aconteça, planejamento e ação são fundamentais.

Confira nesta página orientações para que o visual da sua loja atraia e fidelize seus consumidores.

 

Orientações

 

Fachada

A fachada é toda a área frontal da loja, incluindo calçadas, muros, jardins, paredes, iluminação e demais instrumentos de comunicação.

Uma fachada atrativa deve ter pelo menos cinco características:

Aspecto: a fachada deve estar sempre limpa, em boa manutenção, sem rachaduras, manchas, pichações etc.

Letreiro: a logomarca no letreiro deve ser simples, de fácil memorização e passar o conceito da loja e sua atividade.

Harmonia: mantenha sempre o mesmo padrão de cores da logomarca da empresa na fachada. Isso ajuda o cliente a fixar e lembrar sua marca.

Iluminação: a fachada deve ser atraente e visível tanto de dia quanto de noite. Mantenha a conservação das lâmpadas sempre em dia.

Calçadas: uma calçada bem conservada embeleza e valoriza a loja, pois as pessoas deixam de se preocupar com buracos e obstáculos na calçada, a fim de evitar acidentes, e passam a observar as vitrines.

 

Vitrine

A vitrine é responsável por até 75% das vendas, portanto ela deve nortear todo e qualquer projeto de melhoria do visual da sua loja.

Confira cinco orientações que vão deixar a vitrine do seu comércio mais interessante para os consumidores:

Reflexo dos produtos: as vitrines devem refletir o mix de produtos comercializados na loja e seu público-alvo. Os produtos expostos devem sempre estar em estoque.

Dinamismo: a vitrine precisa ser dinâmica, a troca de produtos gera movimento e atrai os olhares de quem passa por ela. O ideal é que a troca aconteça pelo menos a cada 15 dias, podendo realizar pequenas modificações ao longo deste período.

Iluminação: a iluminação das vitrines deve ser planejada de forma a destacar os produtos expostos.

Cores: especialistas orientam trabalhar entre três ou quatro cores diferentes, para evitar poluição visual na vitrine.

Disposição dos produtos: os produtos que estão posicionados ligeiramente abaixo da linha da visão (1,60 m do piso da vitrine) são mais percebidos pelos clientes.

 

Iluminação

A iluminação adequada da loja ajuda nas vendas, pois cria um ambiente confortável para o cliente e permite direcionar o foco de atenção para os produtos em destaque. Contribui para tornar o ambiente confortável, convidativo e agradável. É uma poderosa ferramenta para atrair um potencial cliente.

Para uma iluminação adequada, é preciso estar atento para quatro questões:

Cores frias: iluminação fria (branca) deixa o ambiente mais claro, aumentando a visibilidade do produto e deixando o cliente mais confiante para suas decisões de compra.

Cores quentes: iluminação quente (amarelada) revela características, detalhes, cores e texturas. É mais indicada para iluminar um produto específico, dando-lhe um destaque especial.

Provador: um bom provador deve ser bem iluminado. A iluminação quente (amarela) é a ideal para evitar distorções nas cores dos produtos.

Manutenção: mantenha em dia a manutenção do sistema de iluminação, evitando lâmpadas queimadas.  

 

Mobiliário

O cliente também busca conforto na hora da experiência de compra. Desta forma, quanto mais à vontade ele estiver, mais tempo ele ficará na loja e será motivado a comprar. Isso deve nortear, inclusive, a escolha dos móveis do estabelecimento.

Para acertar na escolha do mobiliário fique atento para:

Ocupação: os móveis devem ocupar menos da metade do espaço da loja para facilitar a visualização de produtos, a circulação de clientes e evitar que a loja passe uma impressão de apertada ou desconfortável.

Praticidade e qualidade: os mobiliários devem ser de boa qualidade, duráveis, práticos e versáteis, com possibilidade de ajuste em qualquer área da loja; o ideal é que sejam modulados.

Altura: o mobiliário deve ter altura máxima de 2m e altura mínima (acima do chão) de 50cm. Abaixo disso utilize apenas para base de exposição.

Provadores: os provadores devem ser em número suficiente, sinalizados, seguros e fáceis de achar. É fundamental possuir bom espelho, espaço acessível, iluminação adequada, ganchos suficientes, banqueta, tapete e uma boa ventilação.

Produtos em destaque: os manequins destacam os produtos, mas é a escolha dos produtos que vem em primeiro plano. Crie um padrão discreto e utilize o mesmo estilo de manequim em toda loja, lembrando-se de adaptá-los ao seu público-alvo.

 

Curso no tema

Para auxiliar o dono de uma loja a melhorar o visual do seu negócio, o Sebrae promove o curso a distância gratuito Programa Varejo Fácil - Gestão do Visual de Loja

Nele, você irá aprender com detalhes estratégias eficientes de exposição de produtos para tornar os pontos de vendas mais agradáveis aos clientes e, consequentemente, aumentar as vendas.

 

Aprofunde-se

 

Fonte: Site Sebrae

Reportagem Original Disponível em: http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/artigos/como-aprimorar-o-visual-da-sua-loja,981bbb147df2e410VgnVCM1000003b74010aRCRD